Pesquisar
Close this search box.

A corrida do ouro no Brasil Central

A corrida do ouro no Brasil Central

A corrida do ouro no Brasil Central Durante a corrida do ouro – no Brasil Central, período que, de forma geral, vai, grosso modo, de 1722 a 1822, e conhecido como período colonial – todo garimpo, em princípio, transformava-se em um núcleo de povoamento urbano, cuja duração no tempo dependia exclusivamente da fartura com que […]

Os solos do Cerrado

Os solos do Cerrado Em 1948, Waibel estudou a vegetação e o uso da terra no Planalto Central do Brasil e, ao constatar que dentro de áreas muito limitadas, sob as mesmas condições climatológicas, pode-se encontrar uma grande variedade de tipos de vegetação, concluiu que eles dependem principalmente das condições edáficas, as quais por sua […]

Serranópolis: patrimônio esquecido

Serranópolis: patrimônio esquecido

Serranópolis: patrimônio esquecido A região de arqueológica de Serranópolis, cidade situada no sudoeste de Goiás, pela natureza e característica dos sítios arqueológicos aí encontrados, desempenha importante papel na compreensão da Arqueologia do Brasil e da América do Sul… Por Altair Sales Barbosa Os sítios localizados nos arredores da cidade têm oferecido oportunidades para visualizar uma […]

Mitos e Lendas do Planalto Central: O Andante Geraiseiro

Mitos e Lendas do Planalto Central:

Mitos e Lendas do Planalto Central: O Andante Geraiseiro – Seu Nhandu era um senhor esguio, pernas compridas e tez morena clara. Ninguém sabia ao certo sua moradia. Era um andarilho dos gerais. Nada se ouvia de sua boca a não ser, vez em quando, um lapso de humm… humm…! Percorria época sim, época não, […]

Cerrado: fauna e flora

Cerrado: fauna e flora Geograficamente, a região do Cerrado situa-se em um local estratégico entre os domínios brasileiros, o que facilita o intercâmbio florístico e faunístico… Por Altair Sales Barbosa É preciso compreender que a grande biodiversidade de fauna do Cerrado está vinculada à diversidade de ambientes. Essa correlação nos permite vislumbrar o ambiente na […]

Os potes de mel

Os potes de mel Tem-se registro de que as primeiras abelhas de origem europeia, conhecidas como Apis mellifera, foram introduzidas no Brasil em 1840 pelo padre Antonio Carneiro. Nos anos que se seguiram, entre 1870 e 1880, imigrantes alemães e italianos introduziram, no sul do Brasil e na Bahia, duas variedades dessa espécie, conhecidas como […]

Um Universo chamado Cerrado

Um Universo chamado Cerrado na visão de um antropólogo que pensa como ecologista cultural Por Altair Sales Barbosa Quando Darwin a apresentou, em 1859, sua obra “A Origem das Espécies” convenceu muitos naturalistas de que os seres não tinham sido criados com formas físicas imutáveis, mas que tinham mudado graças a processos naturais, através de […]

A última pergunta: Realidade ou ilusão?

A última pergunta: Realidade ou ilusão? Por Altair Sales Barbosa Esta crônica é dedicada ao grande mestre Binômino da Costa Lima, da cidade de Jataí, o mais sábio e maior conhecedor do Cerrado que tive a oportunidade de conhecer em toda minha vida de pesquisador. Certa vez, um outro sábio trovador, que vive na fronteira […]

O Buriti e a Carnaúba: entre a Academia e a Ciência

O Buriti e a Carnaúba: entre a Academia e a Ciência Na constante busca para entender a distribuição geográfica das palmeiras Buriti e Carnaúba, é importante considerar duas realidades cujas interpretações e interação podem muito bem alargar a visão do pesquisador. Essas duas interpretações podem ser denominadas de “êmica e ética”. Por Altair Sales Barbosa  […]

Aedes, o monstro do lago

Aedes, o monstro do lago Diz um velho adágio popular: “quando o homem matou tamanduá, formiga tomou conta do lugar”. Quase nada sabemos sobre o criador deste ditado, mas sem sombra de dúvidas este deveria se pautar por um grande senso de observação da natureza. Por Altair Sales Barbosa Essa pessoa tinha também pleno conhecimento […]

Arte rupestre no Cerrado: Uma pequena reflexão

Arte rupestre no Cerrado: Uma pequena reflexão Ainda estamos engatinhando na busca do que representa e do que significa toda esta arte do Brasil Central… Por Altair Sales Barbosa Claramente se percebe que os diferentes estilos são limitados localmente e que pertencem a tradições amplamente espalhadas pelos quatro cantos do país. Para cada um deles […]

Os grileiros chegaram de repente

Os grileiros chegaram de repente Por Altair Sales Barbosa Saindo mansamente do seu quintal, sombreado pelas mangueiras, surgia o Senhor Sizenando, dedilhando numa violinha tosca, feita por ele mesmo, e cantando uma cantiga mais ou menos assim:             Marimbondo amarelo me mordeu,             Na pestana do olho e doeu,             Nunca vi […]