Giselle Menezes: Uma Cidadã Solidária

“Que as comunidades de Belágua alcancem a cidadania plena”

Giselle Menezes, diretora da Fenae para a região Nordeste, conheceu o Movimento Solidário em Caraúbas do Piauí. Hoje em seu terceiro mandato como presidenta da Apcef Maranhão, foi ela quem, em 2015, defendeu a inclusão do município no programa. “Queria tanto que, quando abriu vaga para apresentar novos projetos, escrevi logo três”, diz Giselle.

Eu não conhecia Belágua, pra fazer o projeto eu estudei, vim conhecer a realidade, e foi sofrido. Vi uma mãe que estava sendo entrevistada com uma criança chorando de fome no colo dela. A mãe parou a conversa, pegou um galho com folhas e deu pra criança mascar, para matar a fome. A partir daquele momento, eu sabia que tinha que ser Belágua.”

Giselle, que de todas as inaugurações dos projetos comunitários nas 27 comunidades só faltou a uma, conta que o que mais a impressiona é o brilho no olhar das pessoas, especialmente das mulheres: “Elas sabem que ali, com aquela pequena ajuda, a vida delas está mudando pra melhor, e pra sempre. Não tem como não se emocionar, não tem como não esperançar, mesmo sabendo do tanto que falta para que as comunidades de Belágua alcancem a cidadania plena”, completa Giselle.


Salve! Pra você que chegou até aqui, nossa gratidão! Agradecemos especialmente porque sua parceria fortalece  este nosso veículo de comunicação independente, dedicado a garantir um espaço de Resistência pra quem não tem  vez nem voz neste nosso injusto mundo de diferenças e desigualdades. Você pode apoiar nosso trabalho comprando um produto na nossa Loja Xapuri  ou fazendo uma doação de qualquer valor pelo PIX: contato@xapuriinfo.dream.press. Contamos com você! P.S. Segue nosso WhatsApp: 61 9 99611193, caso você queira falar conosco a qualquer hora, a qualquer dia. GRATIDÃO!

Revista Xapuri

Mais do que uma Revista, um espaço de Resistência. Há seis anos, faça chuva ou faça sol, esperneando daqui, esperneando dacolá, todo santo mês nossa Revista Xapuri  leva informação e esperança para milhares de pessoas no Brasil inteiro. Agora, nesses tempos bicudos de pandemia, precisamos contar com você que nos lê, para seguir imprimindo a Revista Xapuri. VOCÊ PODE NOS AJUDAR COM UMA ASSINATURA? 

ASSINE AQUI