Pesquisar
Close this search box.

A demarcação de terras indígenas salva vidas, biodiversidades e a Humanidade. 

atl2018 demarcacaoja

A demarcação de terras indígenas salva vidas, biodiversidades e a Humanidade.  Estudos apontam que a demarcação de terras indígenas pode diminuir significativamente o Aquecimento Global. Por Maria Letícia M. É de conhecimento popular que o mundo está se acabando, sem exageros ou alarmismos midiáticos. A Terra realmente está ruindo aos poucos. É fato para os […]

Terras Indígenas: Governo desmonta demarcações. Lideranças reagem

Terras Indígenas: Governo desmonta demarcações. Lideranças reagem Por Elaíze Farias/Amazônia Real   Presidente assinou MP que tira a atribuição da Funai de demarcação de terras indígenas e passou para Ministério da Agricultura Poucas horas após tomar posse como presidente do país, Jair Bolsonaro (PSL) assinou uma Medida Provisória (MP) tirando da Fundação Nacional do Índio […]

Mulheres Indígenas sentem na pele o retrocesso da Demarcação

Mulheres Indígenas Rosemere Arapasso Fabio Zuker Amazonia Real
Brasília 25/04/2018 - Rosimere Teles Arapaso, do Povo Arapaso (alto Rio Negro) da Rede de Mulheres Indígenas do Estado do Amazonas, na frente da Tropa de Choque da Polícia Militar, enquanto indígenas tupinambá e pankararu cantam incessantemente na frente da AGU, e demais indígenas de todo o país ao redor. Em protesto contra o parecer 001/2017, sancionado pelo presidente Michel Temer no ano passado. Considerado por muitos indígenas como o “parecer do genocídio”, o documento veicula o marco temporal utilizado no caso da demarcação da Raposa Serra do Sol (RR) à demais processos de demarcação de terras indígenas pelo país. (Foto Fabio Zuker/Amazônia Real)

Mulheres Indígenas sentem na pele o retrocesso da Demarcação – Por: Fabio Zuker/Amazônia Real “Somos nós mulheres indígenas, que sentimos na pele nossas terras demarcadas prestes a ser reduzidas”. A declaração é de Rosimere Teles Arapaso, do Povo Arapaso, do Alto Rio Negro, no Amazonas. Ela participa ativamente das manifestações que estão acontecendo no 15º. […]

Terras Indígenas: Governo trava demarcação

santuario1

Terras Indígenas: Governo trava demarcação Última homologação ocorreu na gestão Dilma. Do orçamento executado destinado à rubrica em 2017, apenas 5,2% foi para investimentos –    Território sagrado localizado a 11 km do Congresso Nacional, o Santuário dos Pajés, área de 50 hectares vizinha ao Setor Habitacional Noroeste, é o centro de um conflito que há […]