Pesquisar
Close this search box.

Maria Maia: Noigandresas

Noigandresas Para Thiago de Mello, poeta amazônico e universal Por Maria Maia poeta, de onde vem tua poesia? ela sempre brilha e entontece e encanta mesmo quando, sólida, se desmancha e quase liquefeita no meu canto vibra tua flauta de Orfeu já me convida – Eurídice que estou no Hades tão perdida – a desatravessar […]

×