Pesquisar
Close this search box.

Os grileiros chegaram de repente

Os grileiros chegaram de repente Por Altair Sales Barbosa Saindo mansamente do seu quintal, sombreado pelas mangueiras, surgia o Senhor Sizenando, dedilhando numa violinha tosca, feita por ele mesmo, e cantando uma cantiga mais ou menos assim:             Marimbondo amarelo me mordeu,             Na pestana do olho e doeu,             Nunca vi […]

“O que somos nós senão bandeiras?”

“O que somos nós senão bandeiras?”   Por Pedro Tierra  “O tempo de saber que alguns erros caíram e a raiz da vida ficou mais forte e os naufrágios não cortaram essa ligação subterrânea…”. – (Drummond) I. Encarcerado bate no peito o coração de um país. Há um país submerso nos oceanos do sul, submerso […]

×